Título: `CALL CENTER¿ DA ANATEL SERÁ RELIGADO EM 10 DIAS
Autor: Mônica Tavares
Fonte: O Globo, 27/08/2005, Economia, p. 30

Novo regulamento para telefonia fixa ficará disponível para consulta pública em setembro

BRASÍLIA. O presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Elifas Gurgel, disse que em dez dias o call center da agência será religado. A Anatel não assinou o contrato com a empresa Call Tecnologia, vencedora da licitação para o serviço, e o atendimento acabou ontem. Nesse período, a agência vai intensificar a fiscalização nas centrais de atendimento das operadoras. O contrato do call center é de R$5 milhões, mais um custo de R$3 milhões pelas ligações.

Até lá, quem quiser fazer queixas ou precisar de informações será obrigado a enviar um fax, escrever um e-mail ou uma carta ou, ainda, ir pessoalmente à sede da Anatel, em Brasília, ou aos seus escritórios regionais.

A Anatel também informou ontem que publicará no próximo dia 6, para consulta pública durante 30 dias, sua proposta para o regulamento da telefonia fixa que passaria a vigorar a partir de janeiro de 2006. Uma das propostas é a permissão para que o consumidor peça a suspensão do serviço por no mínimo 60 e no máximo 120 dias, sem pagar qualquer taxa.

Anatel propõe mudar contagem para minutos

Outra novidade do regulamento é que o assinante terá direito a uma conta detalhada. Esta, porém, terá de ser paga, conforme o decreto 4.733/2003. Atualmente, a conta não é detalhada porque as ligações locais são medidas em pulsos. A partir do ano que vem, o consumidor saberá quantos minutos falou.

O regulamento alterando a contagem de pulso para minuto será publicado para consulta pública pela Anatel no início de setembro. O assinante pagará, no início, o custo mínimo de 30 segundos pela ligação, independentemente do tempo que falar, sejam 15 ou 30 segundos. Depois, a contagem será feita a cada 6 segundos de ligação, como no celular.